Hipertensão: Causa, Cuidados e Tratamento

A hipertensão é uma doença comum, tanto que você provavelmente conhece alguém que sofre dela, mas é uma doença perigosa, que faz o sangue das artérias e vasos sanguíneos fluir com uma pressão maior do que a normal. Neste artigo, você vai conhecer a causa, os cuidados e como é o tratamento da hipertensão.

Quais são as causas da hipertensão

Há uma lista de fatores que podem propiciar a pressão arterial elevada. Mas não se preocupe tanto quanto a isso, pois a maioria das causas de hipertensão são controláveis. A primeira coisa que deve ser falada é questão da idade. Há uma maior incidência de casos de hipertensão em homens acima de 45 anos de idade. No caso das mulheres, os estudos realizados dizem que há risco maior de desenvolver a doença após os 65 anos.

A hipertensão pode ser hereditária, ou seja, passada através das gerações. Fique atento para os casos de hipertensão na sua família. Se você está com excesso de peso, está em um grupo de risco para a hipertensão, isso porque você precisa de mais sangue para fornecer oxigênio e nutrientes aos tecidos.

Péssima notícia para os que não praticam esportes e não fazem exercícios, o sedentarismo é outro fator que predispõe o aparecimento da hipertensão. Pior que isso é o sedentarismo misturado com o excesso de peso.

O consumo de cigarro, seja fumando ou mastigando o tabaco, faz com que seja aumentada a pressão arterial temporariamente. Se você faz isso com frequência, como um hábito, pode ter problemas com hipertensão. Mas não é apenas o cigarro que pode proporcionar esse problema de saúde, visto que o excesso de álcool leva ao mesmo destino.

Os cuidados com a hipertensão

É importante ficar atento para os chamados sinais de alerta, que, tratando-se da hipertensão, são dores no peito, dores de cabeça, confusão mental, barulho ou zumbido no ouvido, batimentos cardíacos irregulares, cansaço, alterações na visão e sangramento nasal. Deve haver cuidados e atenção a esses sinais, pois a hipertensão pode causar:

·         AVC (Acidente Vascular Cerebral);

·         Ataque cardíaco;

·         Insuficiência cardíaca crônica;

·         Obesidade;

·         Problemas oculares;

·         Problemas de memória;

·         Aneurisma.

Tratamento da hipertensão

Para tratar a hipertensão, pode ser necessário remédios, que serão receitados por um médico especialista. Mas você também pode adotar uma dieta que favorece pessoas que sofrem de pressão arterial elevada. Fique atento para as dicas abaixo:

1.     Coma alimentos ricos em fibras, como frutas, sementes e legumes;

2.     Diminua o seu consumo de sal, caso ele seja elevado;

3.     Coma alimentos ricos em Omega-3;

4.     Coma alimentos ricos em potássio, como o melão e a banana;

5.     Os 200 mg de fenóis de cacau presentes em alguns chocolates podem reduzir a pressão arterial;

6.     Evite alimentos que contêm uma grande quantidade de sódio e evite também os alimentos enlatados;

7.     Passe longe dos alimentos que contêm gorduras Omega-6 e gorduras trans, que estão presentes em alimentos industrializados;

8.     Diminua o consumo de café e de qualquer outra coisa que contenha cafeína;

9.     Diminua o consumo de álcool ou deixe de tomá-lo por completo;

10.  Também é importante reduzir o consumo de açúcar, pois ele é prejudicial a pessoas que têm pressão arterial alta.

 Mas nem tudo se resume a mudar a alimentação. Você ainda pode mudar o seu estilo de vida de outras formas, como por exemplo evitando o estresse, dormindo melhor e dedicando mais tempo à diversão com os amigos, a família ou mesmo sozinho. Exercícios também são muito importantes para a estabilização de uma pessoa hipertensa. Não precisa fazer nada elaborado; basta uma caminhada de 30 minutos por dia ou passar a praticar pilates, pois essas coisas ajudam não só aos hipertensos, mas às pessoas em geral.

Não se esqueça de se consultar com um médico com frequência, pois, como dito acima, pode ser preciso fazer uso de remédios. Obrigado por ler o artigo até aqui e até mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *